quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Secretarias de Cultura e Educação se reúnem para avaliar as ações do Programa Municipal “De Olho no Patrimônio” ano 2018.


No dia 13 de dezembro de 2018, aconteceu na sala da equipe de Professores de Educação Patrimonial – PEP, a reunião de encerramento das ações do Programa Municipal de Educação Patrimonial “De Olho no Patrimônio”, em que foi apresentado o relatório das atividades do ano de 2018. Estavam presentes na reunião a Secretária de Cultura, Turismo e Patrimônio de Diamantina, a senhora Márcia Betânia, o Secretário Municipal de Educação, o senhor Sérgio Nascimento, a Diretora de Patrimônio Cultural a senhorita Telma Pio, a Diretora Administrativa de Educação, a senhora Graciana Leal, a coordenadoria Programa de Educação Patrimonial, gerentes pedagógicas da Secretaria Municipal de Educação, representante da Superintendência Regional de Ensino e professores da equipe de educação patrimonial. O Programa Municipal de Educação Patrimonial: “De Olho no Patrimônio”, objetiva trabalhar a arte e a cultura como propulsoras do desenvolvimento social e permitir nova postura da comunidade escolar e comunidade em geral, em relação ao patrimônio cultural e a apropriação do espaço urbano, o programa se instituiu num conjunto de parceiros, entre eles a Secretaria Municipal de Educação, o Museu do Diamante-IBRAM, IEPHA,IFNMG, IPHAN, SRE, UFVJM, que, por meio de uma portaria designou uma equipe de docentes que desenvolvem as ações do Programa, são Professores servidores efetivos do quadro de pessoal da própria Secretaria Municipal de Educação e um funcionário coordenador da SECTUR da Diretoria de Patrimônio Cultural, além das atividades realizada por professores da equipe também são realizadas ações ente eles cursos de capacitações ministrados por profissionais convidados pela Diretoria de Patrimônio Cultural. Durante a reunião foi apresentado o relatório realizado pelo
professores da equipe, ações e cursos de capacitações de responsabilidade pela Diretoria de Patrimônio Cultural, demonstrativos das atividades realizadas, de acordo com suas demandas, número de escolas, alunos atendidos durante a realização dos projetos, os objetivos foram alcançados, as metas para 2019. Na reunião foi ressaltado pela equipe de educação patrimonial e demais presentes a satisfação da direção das escolas em que os projetos foram realizados, por ter acrescentado com mais informações sobre o patrimônio de Diamantina Cultural de Diamantina e a interação entre as escolas e a equipe do PEP e o reconhecimento da cada vez maior pelos trabalhos realizados pelo programa não só pelo município mas de outros municípios também. Após a exposição do relatório das atividades foi o momento de discussão por todos os presentes na reunião sobre as  futuras ações para o ano de 2019, ressaltando a importância em desenvolver um projeto de educação patrimonial que alcance as comunidades dos bairros e distritos pois,  a demanda do município é grande, tanto devido, à visibilidade e reconhecimento do Patrimônio Cultural e Natural de Diamantina considerado de grande importância para a nação brasileira, o que lhe confere importantes títulos que a distingue dos demais municípios, quanto pela ausência de realização de ações de educação patrimonial com amplitudes territorial, quantitativa e estratégias diversificadas, em condições de dialogar com contextos culturais específicos, tanto urbanos quanto rurais, entre os assuntos foi discutido sobre transporte para realização de ações pela equipe nos distritos e povoados mais distantes da sede, melhor estrutura na sala dos professores do programa,  no qual aproveitou-se a oportunidade para pedir o fortalecendo a parceria das duas secretarias municipais e a Superintendência de ensino ao programa de educação patrimonial, para que 2019 consiga alcançar fronteiras e resultados maiores que os  anos  de 2017 e 2018.